Com a chegada da pandemia COVID-19, medidas drásticas foram tomadas afim de conter a contaminação através de ações que atingiram a economia e a população do país.

Por esse motivo, diversas empresas fizeram ações para sofrer o menor impacto possível, no entanto, muitos trabalhadores perderam o emprego para conter os gastos dos negócios.

Conforme a desembargadora do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 2ª Região, Ivani Contini Bramante, a pandemia expôs e contribuiu com a valorização dos sindicatos do país.

“Estamos enxergando a volta da valorização dos sindicatos, que o trabalhador tinha esquecido graças a toda mídia contrária que tinha sido feita com a reforma trabalhista.

Mas com esse momento de crise, os sindicatos tiveram papel muito importante nos acordos coletivos, redução de jornada e suspensão de contrato.

Todos os acordos que fizemos foram para garantir a estabilidade do emprego, então o trabalhador começou a nos ver com outros olhos.

Esse momento de pandemia atingiu muito o trabalhador e a maioria dos que precisaram do sindicato mudaram a visão.” 

Nilvo Riboldi, presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Caxias do Sul (Sindicomerciários)

Diante dessa nova perspectiva de mercado, os sindicatos devem aproveitar esse momento para destacar a sua importância através da preservação dos direitos trabalhistas durante a crise.

Para ter bons resultados, separamos algumas dicas que vão ajudar o sindicato na pandemia em todo o país a se destacar e conseguir bons resultados.

1- Ofereça convênio médico como benefício

Diversos brasileiros não estavam preparados para a forma como o vírus degradou a saúde da população.

Assim, o sistema de saúde ficou sobrecarregado sendo que a maior parte das pessoas dependem da saúde pública para sobreviver.

Portanto, ofertar convênio médico como benefício para os seus associados pode ser um grande atrativo além de ajudar a salvar vidas.

2- Faça Lives e Webinars

Lives e Webinars são excelentes ferramentas para passar conhecimento! Nesse momento delicado em que estamos vivendo, os trabalhadores querem entender os seus direitos, o que mudou e quais regras devem seguir.

Por isso, é essencial ensiná-los afim de que se houver qualquer ação incorreta aos trabalhadores, os mesmos possam entrar em contato com o sindicato imediatamente.

Para realizar tanto as lives quanto os webinars, é importante escolher um tema chamativo em conjunto com especialistas para debater o assunto, assim atraindo uma maior quantidade de consumidores.

3- Divulgue as novas informações

O Brasil inteiro está vivendo fases diferentes da pandemia, por isso, é essencial manter os trabalhadores bem informados com relação às mudanças em sua área de atuação ou localização.

Além disso, dicas que protejam os trabalhadores de possíveis decisões incorretas tomadas pelas empresas são essenciais para alertá-los.

Também é uma boa opção compartilhar dicas para as empresas evitarem dispensar trabalhadores sem perder receita.

Use as redes sociais para divulgar essas informações e aproveite os anúncios pagos para chegar a uma maior quantidade de trabalhadores que possam ser novos associados.

4- Use um sistema de gestão

Com o aumento da demanda pelos sindicatos, é essencial organizar de maneira prática todos os associados e serviços.

Por isso, nada melhor que um bom sistema de gestão para facilitar a rotina do sindicato na pandemia, garantir redução de custos e melhor gerenciamento de tempo e serviços.

O software Sindicato Fácil da Renasoft conta com todas as funcionalidades que você precisa para gerenciar a instituição.

Faça o teste gratuito agora mesmo:

Espero que tenha gostado do conteúdo.

Compartilhe esse post com os demais funcionários do sindicato!

Até o próximo.

Deixe um comentário