nomes ideais para empresas

Dicas infalíveis para escolher o nome ideal para o seu negócio

O nome de uma empresa representa o que ela é e o que ela deseja ser. É a partir do nome que surgem as indicações e onde tudo começa.

Na maior parte das vezes o nome ficará com a empresa pelo resto de sua vida, tornando essa escolha extremamente importante e fundamental, já que é através dele que os clientes irão chamar o seu negócio.

Pensar em um nome simples e que faça sentido com o que você deseja mostrar através dos produtos e ações é essencial para garantir sucesso.

A criatividade para o posicionamento da marca determinará grandes particularidades da empresa, bem como quais públicos o negócio irá alcançar além de manter clientes.

Porém, a realidade é que nem sempre é fácil escolher um nome com tanta coisa que precisa ser avaliada.

Por isso, separei aqui algumas dicas que irão ajudar você a escolher o nome ideal do seu negócio! Confira:

1- Defina o seu público

Antes de começar a definir o nome do seu négocio, é primordial saber qual é o público que você deseja atingir.

Bem como os seus interesses, hobbies, lugares que frequenta, grupos de amigo, faixa etária, gênero, escolaridade e etc.

Afinal, além desse passo facilitar na decisão do nome, também ajudará na escolha da identidade visual e escolha do portfólio de produtos ou serviços.

2- Tenha um diferencial no mercado

É essencial que você tenha em mente o seu diferencial no mercado, assim você conseguirá escolher um nome adequado para o seu negócio e conquistar uma cartela de clientes fiel.

O diferencial também é um item importante quando falamos sobre concorrência, afinal, esse é um meio que pode usar para se destacar.

Dessa forma, sabendo o que te torna diferente do mercado, torna-se mais fácil decidir como será o nome ideal da sua empresa, destacando o que você tem de melhor e que é único.

3- Faça um brainstorming

O termo “brainstorming” é muito utilizado pelos profissionais de marketing e quer dizer “chuva de ideias“.

Nesse caso, deve-se reunir no máximo 8 pessoas que entendem do seu negócio e que você considera criativas para que todas dêem ideias.

As regras são fáceis:

  1. Nenhuma ideia deve ser descartada;
  2. Comecem por nomes que digam exatamente o que a loja irá fazer;
  3. Tentem juntar uma ideia com a outra;
  4. Selecione as melhores ideias;
  5. Faça um funil de ideias até formar um top 3;
  6. Crie uma votação para a decisão final.

4- Reflita se o nome é memorizável

Todo mundo deseja que o público indique o seu negócio, não é mesmo?

Para isso acontecer, é necessário que o nome tenha algumas características específicas e seja facilmente memorizável, como:

  • Tamanho curto;
  • Facilmente pronunciável;
  • Fácil de escrever.

Esses três tópicos são complementares, afinal, nomes curtos geralmente são mais fáceis de escrever e assim pronunciáveis.

Afinal, é necessário tomar cuidado com nomes longos que tem uma pronúncia complicada, pois a divulgação da marca pode ser prejudicada e até mesmo não encontrada quando pesquisada da maneira incorreta.

Alguns exemplos de nomes que ficam na memória: Facebook, Instagram, Adidas, Samsung, Brastemp.

Percebeu? Todos eles são constituídos de apenas uma palavra, são fáceis de pronunciar e de escrever.

5- Cuidado com associações inadequadas

Escolher nomes com associações inadequadas pode levar o seu negócio a falência ou até mesmo tornar a sua marca uma “piada” entre as pessoas.

Por isso, deve-se ter muito cuidado ao escolher o nome. Se desejar um nome em outro idioma, por exemplo, vale pedir a tradução para uma pessoa com fluência.

Além disso, o preconceito também poder ser prejudicial para a sua marca, caso tenha algo indiretamente ligado no nome. Com isso, pesquise bastante se há algum significado já pré existente do nome escolhido.

Também é importante não esquecer de associar ao nome com o que o seu negócio vende. Não é indicado algo genérico como “João e seus amigos“. O certo seria: “João e o universo dos brinquedos” deixando claro para os usuários que se tratará de uma loja de brinquedos.

6- Escolha um nome atemporal

O nome da sua marca deve ficar pra sempre com a empresa, por isso, não escolha nada que esteja na moda!

Afinal, o moderno é passageiro e tudo pode mudar. O que é legal e divertido agora pode não fazer nenhum sentido daqui alguns anos.

Além do nome, é importante criar um bom logotipo atemporal com símbolos que você possa utilizar como reconhecimento de marca.

A Apple e a Nike, por exemplo, usam a “maça” e um “certo” que apenas com os símbolos são identificados por pessoas em todo o mundo.

Também é crucial considerar que tanto o nome como o símbolo devem ficar bem tanto em mídia impressa como online.

7- Registre a marca e a patente

Registrar o nome da marca no INPI irá prevenir o seu negócio de ser plagiado além de garantir que o nome e o diferencial do seu negócio sejam únicos.

Atente-se! É essencial fazer o registro o mais rápido possível e em seguida colocar em prática as estratégias internas do seu negócio.

8- Use um sistema de gestão

Depois de finalmente colocar todos os tópicos acima em prática e escolher o nome ideal para a sua empresa, você deve pensar na gestão do negócio.

Organizar e controlar todos os seus produtos, serviços e processos do dia a dia pode te levar muito tempo e ficar muito caro, se não feito do jeito certo.

Além disso, um bom sistema de gestão é a opção ideal para o seu negócio ganhar praticidade, agilidade e redução dos custos na prática.

Conheça os softwares da Renasoft que já contam com mais de 5000 clientes em todo o Brasil, testando o trial gratuitamente:

Espero que tenha gostado desse conteúdo, não deixe de compartilhar!

Até o próximo.

Deixe um comentário